O Presidente do SINTESV, Sr. Paulo Tico, informou que a proposta de reajuste salarial extensivo ao vale alimentação encaminhado pelo sindicato patronal de 70% (setenta por cento) da inflação do período foi rejeitada por unanimidade na Assembleia da categoria e solicita que seja apresentada nova proposta.

 

 

O Sindicato Patronal manifestou-se com as seguintes propostas sendo mantida a proposta anterior de reajuste de 70% do valor da inflação do período para o salário da categoria; com relação ao vale alimentação, apresentou à proposta e reajuste correspondente a inflação do período, que se fosse o acumulado de janeiro de 2019 seria no percentual de 3,57%. Sendo que o acumulado do nosso período ainda não fechou referente a fevereiro de 2019.

 

 

Proposta essa que foi rejeita pelo Sindicato dos Vigilantes que informou que já foi protocolado um pedido de mediação junto ao Ministério Público do Trabalho (MED 00070.2019.14.000/8, e tão logo seja designada a data da audiência informará ao Sindicato Patronal.

 

O Sindicato Patronal informa que colherá informações quanto à possibilidade de protocolo do pedido de mediação junto ao Tribunal Regional do Trabalho. Fica consignado ainda que caso haja alguma nova contra proposta com relação a Convenção, as partes se comprometem a sentarem novamente para nova rodada de negociação.

 

Fonte: SINTESV/RO.